Página Inicial  > Como organizar a distribuição de produtos
 Compartilhar  Versão para impressão  E-mail

Como organizar a distribuição de produtos


Entregas em domicílio podem ser um diferencial nos serviços da empresa, mas é preciso ficar atento para não perder tempo e ter gastos desnecessários

Fazer a entrega de produtos na casa do cliente pode ser um diferencial para as empresas. A comodidade é uma maneira de garantir a volta dos consumidores, garantem especialistas. Mas como não deixar que a facilidade se transforme num incômodo para as contas da empresa?

Se mal gerida, entregas em domicílio podem gerar gastos fora do controle com combustível, sem contar o tempo que poderia ser mais bem aproveitado com outras tarefas. O consultor do SEBRAE-PR (Serviço de Apoio ao Empreendedor e Pequeno Empresário do Paraná), Cristovam Dias Jr., dá dicas para encontrar o ponto de equilíbrio na distribuição dos produtos.

Concentre a entrega em áreas
Antes de tudo, tenha um mapa em mãos e divida-o em regiões para facilitar a visualização dos pontos de entrega. Dessa maneira, junte três ou quatro pedidos de uma mesma área, antes de sair para a entrega. Assim, você evita idas e vindas para o mesmo local num curto espaço de tempo.

De olho no trânsito
Prefira fazer entregas em dias e horários de menor movimento no trânsito, principalmente nas cidades de grande fluxo. Faça um cronograma com dias e horários estratégicos para fugir da lentidão e dos engarrafamentos. É uma maneira de agilizar a distribuição e ainda economizar no combustível.

Organize as entregas antes de sair
Separe os produtos e os deixe identificados por cliente, se for preciso entregar recibos, deixe-os prontos e assinados também, assim é só colher a assinatura do cliente.

Ferramentas de localização
Uma forma de agilizar as entregas é usar ferramentas de localização como o GPS para não sair da rota. Além disto, o Google Mapas, ferramenta de localização do Google, ajuda a descobrir novas rotas e atalhos para chegar ao destino final.

Taxa de entrega
A cobrança da taxa de entrega é facultativa, entretanto é tarifa comum no mercado. Normalmente, ela é embutida no valor final do produto, mas também pode ser cobrada separadamente, desde que haja a indicação a diferença no preço.

 Compartilhar  Versão para impressão  E-mail
Avaliações (0)
If you are a human, do not fill in this field.
Clique nas estrelas para classificar.