Página Inicial  > Onde obter crédito
 Compartilhar  Versão para impressão  E-mail

Onde obter crédito

Fonte:  Sebrae


SISTEMA FINANCEIRO

É o conjunto das instituições que buscam propiciar condições satisfatórias para a manutenção de um fluxo de recursos entre poupadores e investidores. O local onde ocorrem as transações, permitindo que os agentes econômicos sejam colocados em contato entre si, aplicadores e tomadores, é entendido como Mercado Financeiro.

Os micro e pequenos negócios podem obter recursos nos seguintes agentes financeiros:

Bancos Comerciais

São instituições financeiras que executam operações de crédito de curto e médio prazo, tanto para pessoas físicas quanto para empresas. Destacam-se como suas principais atividades a concessão de empréstimos, desconto de títulos, cheques especiais, o repasse de recursos do BNDES e a prestação de demais serviços financeiros.

Bancos múltiplos

Os bancos múltiplos podem atuar com carteiras de banco comercial, banco de investimento, sociedade de crédito, financiamento e investimento ou sociedade imobiliária, de acordo com a autorização dada pelo Banco Central. Logo, são bancos mais completos que os comerciais.

Em decorrência do volume de negócios, sua natureza e quantidade de informações, se classificam em bancos de varejo, middlemarket e corporate. Os bancos de varejo são os que melhor atendem ao segmento das micro e pequenas empresas. Dentre suas características estão o grande número de correntistas, baixo valor dos empréstimos, taxas de juros mais altas, processo de atendimento descentralizado e tomada de decisão informatizada, com níveis de alçada distintos. Não há grandes exigências de comprovação de rendas ou faturamento dos clientes.

Bancos de desenvolvimento e agências de fomento

São instituições financeiras públicas, regidas pelas mesmas normas vigentes as demais instituições financeiras. São especializadas no fornecimento de crédito de médio e longo prazos, normalmente com repasses de recursos públicos. Podem ser de abrangência nacional (ex. BNDES), regional (ex. BNB - Banco do Nordeste; o BASA - Banco da Amazônia; BRDE, Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul) ou estadual (ex. InvesteRio - Agência de Fomento do Estado do Rio de Janeiro; BDMG - Banco de Desenvolvimento do Estado de Minas Gerais).

BNDES

O BNDES é o principal órgão de execução da política de investimentos do Governo Federal, principalmente em financiamentos de médio e longo prazos. Opera por meio de duas formas:

  • Direta: nos financiamentos acima de RR$ 10 milhões, onde as empresas se relacionam diretamente com o banco. São destinadas às médias e grandes empresas; ou
  • Indireta: nas operações de até RR$ 10 milhões, realizadas por meio da rede de agentes financeiros credenciados, que recebem uma remuneração percentual sobre o valor do financiamento para realizar a intermediação entre as empresas postulantes. As operações indiretas são utilizadas pelas MPE.

Bancos de Investimento - BI

Canalizam os recursos de médio e de longo prazos para as necessidades de capital (fixo, misto ou giro) das empresas, objetivando ampliar a capacidade produtiva, expansão e relocalização dos empreendimentos e incentivar o aumento da produtividade e eficiência das empresas.

Sociedades de Crédito, Financiamento e Investimento

Conhecidas também por financeiras são constituídas sob a forma de sociedade civil, atuando como interface entre o consumidor, lojista e a financeira. Sua função principal é o de financiamento de bens duráveis às pessoas físicas, por meio do crédito direto ao consumidor - CDC. Não podem manter contas correntes.

Factoring

As companhias de factoring são empresas comerciais, de fomento mercantil, transacionando a venda de um direito ao crédito (cheques, duplicatas), com certo deságio sobre o valor de face do título, com as suas empresas clientes. Não são instituições financeiras, pois não emprestam recursos. É recomendável que o empresário verifique se a relação custo / benefício é positiva, antes de recorrer ao fomento mercantil.

Cooperativas de crédito

As cooperativas de crédito são equiparáveis às instituições financeiras. Constituem-se como uma sociedade de pessoas, de natureza civil, sem fins lucrativos e não sujeitas à falência, com o propósito de ofertar crédito e prestar serviços exclusivamente a seus partícipes. Podem captar tanto depósitos a vista quanto a prazo, concedendo empréstimos e prestando demais serviços financeiros.

Instituições de microcrédito

As instituições de microcrédito podem ser constituídas como uma ONG - Organização Não-Governamental (qualificada como OSCIP - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público) ou SCM - Sociedades de Crédito ao Microempreendedor.

As operações de microcrédito são destinadas os empreendedores de pequenos negócios, que se caracterizam, na maioria das vezes, como informais. Ambas atendem aos pequenos negócios por meio de financiamentos para investimentos e/ou capital de giro. Os valores, prazos e taxas de juros variam de acordo com a estratégia de cada instituição.

Mais informações sobre serviços financeiros para micro e pequenas empresas, acesse www.uasf.sebrae.com.br

 Compartilhar  Versão para impressão  E-mail
Avaliações (0)
If you are a human, do not fill in this field.
Clique nas estrelas para classificar.